Já ouviram falar sobre a circum-navegação?

Creio que muitos nunca ouviram falar exatamente neste termo, mas me refiro aqui à famosa volta ao mundo!

Essa ideia de passear por todo o mundo e conhecer os diversos continentes, culturas e estórias de diferentes populações não tem muito tempo: a primeira viagem foi feita por Fernão de Magalhães, em 1519, viagem esta feita para descobrir novos caminhos – dos países europeus - para as Índias. Diga-se de passagem: praticamente toda a América foi descoberta por tentativas de estabelecer este caminho. Um leve erro, não?! 

Skydiving

É, pessoal... Finalmente, fiz um salto de queda livre na minha vida! Neste fim de semana, eu fui dar um passeio no Rio de Janeiro pra realizar um Skydiving. Conhecem esse termo? É bem comum no Rio, no Recreio, aviões decolarem de aeroportos locais e equipes especializadas possibilitarem ao cliente um mergulho de quase 4.000 metros em relação às praias no Rio. E eu fui.

Espanha

A Espanha é um país localizado na chamada Península Ibérica, onde também está localizada Portugal, e se encontra a sudoeste de toda a Europa.  É chamada de Península uma região que é cercada quase que completamente por água, como é o caso da Espanha. Daí sua participação tão forte na expansão das navegações durante o século XVI e ter influenciado tantos países a falarem o espanhol, fato que se concretiza até hoje. 

Ponte Presidente Costa e Silva?

Vocês conhecem a Ponte Rio-Niterói, certo? A Ponte Presidente Costa e Silva, chamada popularmente de Ponte Rio-Niterói, é uma das pontes mais marcantes no cenário Carioca. Eu e você, que moramos no Rio de Janeiro, com certeza já pegamos a ponte para ir a algumas cidades: Cabo Frio, Itaboraí, Niterói, São Gonçalo e outras inúmeras cidades da Região dos Lagos. 

Machu Picchu

Quando falamos sobre expansão marítima e a descoberta de novas civilizações na América, é impensável não falarmos sobre o povo Inca, e mais ainda do legado histórico que foi deixado por eles para a América do sul. O povo Inca foi responsável pela construção de Machu Picchu, uma cidade Inca, que permaneceu completamente intocada pelo tempo até 1911, quando foi redescoberta por um arqueólogo. De 1911 para cá, Machu Picchu tem sido estudada e explorada por pessoas de todo mundo, sendo um dos patrimônios culturais da humanidade mais destacados pela UNESCO.

Planejamento

Olá, meus amigos!

Todo viajante que se preze precisa fazer um planejamento antes de sua viagem. Explico: um rapaz que deseje fazer um ‘mochilão’ pela Europa, por exemplo, precisa saber como é o seu clima (Afinal, como saberá se precisa levar casacos ou não?), sua estação climática, sua moeda (quantos Reais valem um Euro ?) e outros diversos fatores. Quando fiz a minha primeira viagem, decidi dar uma volta pela Argentina e Paraguai. Mas, inocente que era, viajei para a Argentina sem levar sequer um casaco. Foi a pior decisão da minha vida!

Bichinho diferente

Tá aí um bichinho muito do simpático: o Ornitorrinco. Imagina um mamífero que põe ovos. Imagina um rabo de castor, o bico de um pato, espigões venenosos (Qual outro mamífero tem veneno?) e membranas nas patas. Pra melhorar a situação: ornitorrincos ainda produzem leite, situação bem próxima à condição geral dos mamíferos. Imaginou? Diferente, né? 

Grécia

Ao falar de ângulos, não dá pra deixar de falar em Grécia. Na verdade, ao falar do pensamento filosófico, psicológico, científico, moral e, sobretudo, matemático, os gregos foram fundamentais para a civilização ocidental. Com Platão, Sócrates, Pitágoras e diversos vultos tão famosos entre seus habitantes, os gregos desde cedo começavam a questionar a realidade que lhes cercava como a natureza e a própria índole humana.

Pra quê eu preciso disso?

Preciso confessar uma coisa: matemática pra mim sempre foi uma coisa complicada. Eu olhava aqueles números e pensava: pra quê eu preciso aprender isso? Afinal de contas, alguém já ganhou a vida aplicando o Teorema de Pitágoras? Pra quê entender de Progressão Aritmética ou Progressão Geométrica?

As pessoas não têm a mesma chance?

Senhoras, senhores!
Tudo bem?

Mais uma vez estou aqui. Eu, Fernando Pena – Nando para os íntimos – contando dos meus causos e viagens ao redor do mundo. A maior parte delas é uma maravilha, mas têm outras que, embora sejam proveitosas, também mostram para mim coisas nem sempre tão belas e lindas de se ver, como é o caso do México e os Estados Unidos.

Páginas