Cuidado com gastos excessivos!

E aí Galera Cult, tudo certo?

Vou te fazer algumas perguntas que você terá que responder rapidamente, usando somente “sim” ou “não”:

Você gosta de sair para comer?

Você gosta de comprar roupas novas?

Você gosta de comprar tênis novos?

Você gosta de sair com a galera?

Você sempre tem dinheiro para isso tudo?

Bem, se eu estou certo, as primeiras respostas foram todas “sim”, e talvez a última seja a única que você respondeu “não”. Claro que a parte de comprar o que se quer e sair pra se divertir, todos gostariam de fazer isso muitas vezes, mas a maioria das pessoas não consegue, por não ter dinheiro suficiente. Isso é absolutamente normal: hoje em dia, temos tantos gastos com alimentação, saúde, transporte, e outras coisas mais básicas que não sobra o suficiente para gastarmos com o que de fato nos traz aquela sensação de bem-estar (experimente perguntar aos seus familiares!).

Infelizmente, muitas pessoas não conseguem ter controle dos seus próprios gastos, pois sentem grande necessidade de estar sempre consumindo - para algumas delas, isso é a sua felicidade! Claro que é compreensível e não vou julgar isso. Mas o consumo excessivo, em grande parte, poderá trazer junto consigo alguns problemas financeiros graves, e por isso devemos ser muito conscientes dos nossos gastos antes de sair por aí comprando tudo o que vemos pela frente e se endividando.

Por falar em se endividar, você poderia até pensar e me dizer o seguinte: “Ah, mas eu posso passar no cartão de crédito!” Calma, mas muita calma nessa hora! A parte boa do cartão de crédito é que consegue comprar um produto sem ter o dinheiro ali na hora, mas não se iluda: vai ser cobrado(a) depois! Não se deixe levar pela sensação de que “não há problema, porque depois eu darei um jeito para pagar”... Se você não souber manter o controle, poderá acumular tantas compras, que depois o valor da fatura do cartão será grande o suficiente para te fazer ter vontade de devolver os produtos para as lojas na mesma hora!

O consumo é um processo que exige muita responsabilidade! Uma coisa precisa ter em mente: gastar mais do que se tem é um perigo iminente! Isso vai te privar de comprar algo que gostaria muito naquele momento? Provavelmente sim, mas seria mesmo indispensável comprar aquele tênis, ou aquela maquiagem nova? É muito importante saber, desde cedo, compreender a diferença entre o que você quer daquilo que precisa. O que precisamos é prioridade, o que queremos deve vir na medida em que temos o dinheiro suficiente, sem colocar em risco a nossa saúde financeira. Ter essa disciplina é extremamente difícil, mas se desde cedo exercitar a capacidade de planejamento, com o tempo verá como ela será fundamental para realizar desejos cada vez mais caros: da roupa, para um celular / tablet / computador novo, para uma viagem, um carro, uma casa, e assim por diante!

Então, vai uma dica: sabendo que a grana é limitada, o melhor que pode fazer é planejar. Se souber que parte do seu dinheiro terá que ser gasta com coisas básicas, que não se pode mudar, comece separando essa parcela e considere que ela não existe – pois já tem destino certo! Aí, com o que sobra, você poderá pensar no que é possível fazer para aproveitar, seja comprando algo que esteja com vontade, seja saindo com seus amigos para se divertir. É um processo difícil, mas tenha certeza que isso fará de você uma pessoa cada vez mais próspera financeiramente no futuro!

Até a próxima!

 

Saiba mais

Que número vermelho é esse na minha conta?!

Ganhei um dinheirinho... E agora?

Tales Eko “Teko”

Tenho que confessar… Sempre fui pão duro. Não sei se é uma desculpa boa, mas tive origem humilde e desde pequeno decidi que não seria pobre para sempre. Aos 10 anos, já tinha percebido que para melhorar de vida precisava abdicar de duas coisas: 1) Preguiça; e 2) Consumo fútil. A primeira para gerar dinheiro. E a segunda para não desperdiçar tudo que eu ganhar. Aos 15 anos, já trabalhava em uma pequena lojinha de meu bairro e tinha um plano financeiro traçado para os próximos 25 anos!!! O PET (Plano de Enriquecimento do Teko) está a todo vapor. Agora, posso ser pão duro, mas não sou egoísta. Tanto que decidi compartilhar com quem quiser o PET e as lições que estou aprendendo sobre Educação Financeira. Quer aprender a lidar com grana sem desperdiçar com futilidades? Fique ligado nas minhas dicas aqui no Galera Cult.