O quilo de uma comida

Amigos, hoje, quero falar para vocês sobre um modelo de restaurante que foi introduzido no Brasil no final da década de 1980: restaurantes a quilo.

Na Europa existem, desde 1960, estes tipos de restaurantes que servem uma variedade de alimentos prontos, os quais o cliente escolhe a vontade e depois paga de acordo com o peso da comida consumida. Já em Portugal foi introduzido no final da década de 90 por influência dos brasileiros, interessante né?

Estes tipos de restaurantes são comuns em áreas de grande concentração de comércio e escritórios, pois é uma boa opção de comida rápida, já que os alimentos ficam prontos e expostos, assim, facilitando a escolha do cliente. Podemos observar que esses não apresentam pratos sofisticados e, normalmente, o preço do peso do alimento é fixado por quilograma ou para cada 100 gramas. Isso ajuda os clientes a calcular o valor a ser pago pelo que é consumido, enfim, se a pessoa está com a “graninha” curta é só comer menos. Assim, não precisa comer fast food e poderá se alimentar com algo mais saudável.

Alguns restaurantes, atualmente, têm oferecido preços variados quanto ao quilo, pois os pratos que o consumidor coloca como, por exemplo, carne de churrasco, o valor é diferenciado para com aqueles que não têm. Assim, neste caso, não fica restrito apenas a quantidade de alimentos colocados no prato, mas também a qualidade deles.

Valeu, galera. Foi legal conhecer um pouco mais sobre esse local comercial que frequentamos bastante no nosso dia a dia. Abraços!

Chang Li “Li”

Tenho ascendência chinesa. Sou filho único e meus pais possuem uma pequena indústria de roupas. Eles trabalham incessantemente e por isso possuem muitos problemas de saúde. Talvez este seja o motivo do meu fascínio por Saúde e Nutrição em geral. Sei que será preciso estudar muito porque vou cursar Medicina, mas meu sonho não termina aí. Pretendo transformar esta ciência, mesclando os conhecimentos científicos “ocidentais” com a “sabedoria oriental”, baseada em complexidade e harmonia. Quero aproveitar o melhor desses “dois mundos”, que são inseparáveis. Adoro estudar também sobre alimentos orgânicos e práticas agrícolas sustentáveis. Aqui, no Galera Cult, vou dividir com vocês muitas informações úteis sobre cuidados com seu corpo e, por que não, também sobre sua mente, coração e espírito?